domingo, 9 de março de 2014

Gripe na gravidez

Postado por Letícia Murta às 00:57
Se já não é fácil gripar, imagine gripar na gravidez. As dores pelo corpo, a cabeça pesada e o nariz entupido se misturam aos sintomas, já incômodos, da gestação e a grávida nem pode se entupir de remédios. O grande problema é que o sistema imunológico trabalha de forma mais leve neste período, justamente para não atacar o bebê. É aí que os vírus espertinhos aproveitam para invadir o nosso organismos e trazer aquela baita gripe. 
É importante lembrar, e ressaltar, que os remédios, TODOS eles, só devem ser tomados pelas gestantes com autorização do obstetra que a acompanha. Não vale pegar dica da amiga, da internet e nem mesmo do médico do pronto-socorro que te atendeu na emergência. Ligue SEMPRE para o seu obstetra e pergunte a opinião dele a respeito do que sente e do que foi indicado tomar. Só ele vai poder avaliar as consequências de um medicamento em seu organismo, de acordo com seus exames e seu histórico. Por isso é importante ter sempre o telefone do seu médico para entrar em contato. Ligue a qualquer hora do dia ou da noite. Eles estão acostumados, e preparados, para esse tipo de situação.
A prevenção é uma ótima saída. E nos postos de saúde as vacinas contra gripe são oferecidas gratuitamente para as gestantes. De acordo com os especialistas, a segurança dela é garantida por ser elaborada com um vírus inativo. No entanto, ela pode apresentar reações, que variam de leve para média, levando a dor no local da agulhada e alguns sintomas da gripe.
Reforce na alimentação para evitar a queda da imunidade. Na gravidez, a alimentação já deve ser balanceada, rica em frutas, verduras e legumes.  A ingestão de água deve ser caprichada. Isso vai te ajudar a deixar seu corpo forte para os nove meses de trabalho dobrado que ele terá, em todos os sentidos.
Gravidinhas, aquele remedinho básico que a gente toma para combater a gripe é proibido. Sim, proibidíssimo. Os medicamentos antigripais contém vasoconstritores e podem causar taquicardia e queda de pressão arterial. Isso interfere na quantidade de oxigênio que o seu bebê recebe. Por isso, não tome. A não ser que o seu obstetra avalie os benefícios e riscos e resolva que é melhor. Caso contrário, esqueça!
Para atacar os sintomas da gripe, tente sempre caminhos naturais. No caso do nariz entupido, tente aplicar soro fisiológico ou fazer uma inalação. Uma dica natural, e segura, é o mel. Ele age como expectorante natural. O própolis pode auxiliar nas dores de garganta, que também pode ser atacada com gargarejo de vinagre morno com sal. Se conseguir fazer repouso, ajudará bastante. Cuidado com chazinhos da vovó. Não vá tomando sem verificar se pode. Nem todos os chás são inofensivos no caso de gestantes!


0 comentários :

Postar um comentário

O que você acha?

 

EU CURTO SER MÃE Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez